A “difícil” vida de um vereador. E a de um suplente? imprimir publicado em: 21 / 04 / 2017

Levino de Jesus e Marquinhos Monteiro

Levino de Jesus e Marquinhos Monteiro

O prefeito Firmino Filho (PSDB) parece que não está disposto a “ajeitar” os aliados de campanha, quatro meses após assumir o quarto mandado de prefeito de Teresina, ainda não “conversou” com os que lhe ajudaram na campanha.

E nesse contexto todo, muitos já são os vereadores insatisfeitos com a postura do gestor, que já não tem mais explicações para dar aos que lhe apoiaram rumo à Câmara Municipal.

Se para os vereadores que foram eleitos está difícil, imagine para os que não foram eleitos e abocanharam uma vaguinha na Câmara graças aos ajustes do prefeito no seu secretariado. É o caso do suplente Marquinhos Monteiro (PRTB), que mal esquentou a cadeira já vai ter que desocupá-la para o titular Levino de Jesus (PRB), que deixará a Eturb – Empresa Teresinense de Desenvolvimento Urbano e voltará para a Câmara.

Segundo informações, Marquinhos Monteiro não tem defendido os interesses do prefeito Firmino Filho no legislativo, fato que gerou uma insatisfação por parte do chefe do executivo.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Biocentro

últimas