Abalada com a morte do namorado, Núbia Óliiver busca forças na natureza imprimir publicado em: 25 / 01 / 2016

nubia oliverNúbia Óliiver continua afastada da rotina depois da morte do namorado, Paulo Santana, de 42 anos. Paulo morreu no último dia 12 em função de uma insuficiência renal. Muito abalada, a modelo não conseguiu comparecer ao enterro dele e permanece em uma fazenda no interior de Minas Gerias recebendo apoio de seus familiares. “Aqui sempre foi minha fonte de energia. Sempre venho para cá, não consigo ficar longe. Nasci e cresci nesse pedacinho de terra. Nada como ter os pés no chão, beber água da fonte e estar rodeada de muito verde. Amo ver tudo isso, beber essa água, a sensação é de renovação a cada dia. É o melhor lugar para retomar minhas forças, ainda mais agora”, disse ela ao EGO.

Núbia, que toma remédios para depressão, precisou mudar a dosagem dos antidepressivos e recebeu atendimento médico na fazenda para que a perda do namorado não agravasse ainda mais a doença. “Estou vivendo! É vida que segue com amor, fé e muita natureza. Esse será meu carnaval, longe da folia e dos camarotes “, disse a modelo, que sempre foi figurinha fácil no carnaval do Rio e de São Paulo.

“Sou mesmo rural. Enquanto muitas investem em bolsas, sapatos de solado vermelho e fantasias caras de carnaval, eu invisto em terras e gado. Isso tudo passa e rápido. Acho importante investir em algo que possa desfrutar por muito tempo e deixar aqui para a minha filha. Temos muitas fontes de água natural no meu pedaço de terra e isso não tem preço. Quero viver no campo com pastos cheios de gado”, disse ela.

O namorado da modelo havia descoberto a doença há sete meses e vinha fazendo sessões de hemodiálise desde então. Paulo e Núbia tinham planos de comprar uma casa para morar juntos ainda em janeiro.

nubia oliver

Ego


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas