Acidentes de trânsito deixam 23 mortos e 733 feridos apenas este ano imprimir publicado em: 06 / 08 / 2014

vistaDe janeiro a junho deste ano, 23 pessoas morreram vítimas da violência no trânsito da capital piauiense e mais 733 ficaram feridas. De acordo com a Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (CIPTran), a maioria dos acidentes acontecem em forma de colisão e são causados pela imprudência dos condutores, deixando vítimas, principalmente, os motociclistas, que ficam feridos facilmente.

O pior mês do ano foi junho, período de férias, em que nove mortes foram registradas, sendo cinco vítimas do sexo masculino e quatro do sexo feminino. Além dessas, mais 130 pessoas ficaram feridas. Os dados dizem respeito somente ao perímetro urbano da capital. Segundo a CIPTran, considerando- se os dados das vias estaduais, os índices são ainda mais alarmantes.
Desde o início do ano, mais de 700 pessoas ficaram feridas no trânsito da capital. De acordo com os policiais militares da CIPTran, a grande quantidade de feridos diz respeito ao significativo número de condutores de moto que se acidentam na cidade.

Nos outros meses do ano, maio se destaca com a ocorrência de seis óbitos e 113 feridos. Em seguida, aparecem os meses de janeiro (5), fevereiro (4), março (2) e abril (2). Os meses com mais pessoas feridas foram fevereiro e junho, com 130 registros.

A Companhia comenta que a maioria dos acidentes é causada pela imprudência dos motoristas, que desrespeitam a sinalização das vias e descumprem o limite de velocidade. Outro motivo para o registro de ocorrências é a má condição das vias por onde os veículos trafegam.

portalodia.com

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas