Advogado e DJs estão entre os presos em rave com drogas imprimir publicado em: 16 / 10 / 2017

Advogado, estudante e DJs estão entre os presos na operação integrada deflagrada, neste fim de semana, em uma rave que ocorreu em um sítio em Teresina. As investigações apontaram que o local havia sido alugado para a realização da festa onde o consumo e venda de drogas era liberado.

droga

Os nomes foram divulgados pela Secretaria de Segurança Pública do Estado do Piauí em entrevista coletiva nesta segunda-feira (16). Na abordagem foi apreendida grande quantidade de drogas sintéticas, a maior apreensão no Piauí este ano.

Os suspeitos foram identificados como Rodrigo Bruel Machado (DJ), Iuri Lobão Delgado (DJ Locan e advogado), Alex Carvalho Feitosa (apontado como organizador do evento), Lincoln Marcello Monteiro Rebelo (DJ Lincoln) e Pedro Henrique Batista Soares (DJ Alquizart), Douglas de Freitas Ferreira (estudante de Geografia), André Felipe Moreira Reis (tradutor) e Samuel Nunes de Sousa.

“Conseguimos capturar pessoas de São Luís e do Pará trazendo drogas sintéticas para serem vendidas nessa rave. Já no sábado (14) invadimos a festa mediante ordem judicial e prendemos os organizadores, um DJ que é advogado e outras pessoas vendendo drogas. Parte do material foi encaminhado  para a PF e a outra será levada para Brasília, pois no Piauí não há o tipo de reagente para se  fazer a comprovação de algumas drogas sintéticas”, conta o delegado Tales Gomes, da Delegacia Especializada de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (Depre).

A operação Andrômeda- que durou mais de 60 horas- contou com a participação das polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal. A festa estava programada para durar quatro dias. No sítio foram encontrados também crianças e até bebês.

“Algumas pessoas foram ‘curtir’ o festival e levaram até crianças de colo, uma vez que, a organização do evento disponibilizava quartos para serem alugados. No local os participantes podiam fazer tudo”, reitera o delegado.

Além da grande quantidade de droga sintética também foram apreendidos instrumentos para o consumo. Além dos presos, outros suspeitos foram conduzidos pela polícia, ouvidos e liberados.

Cidadeverde.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas