Agressor de travesti Brenda é indiciado por lesão corporal leve imprimir publicado em: 05 / 08 / 2014

BrendaO homem que agrediu e ameaçou a travesti Brenda Victória na noite do dia 29 de julho, identificado como Jackson Silva Xavier, não foi preso e apenas está indiciado por lesão corporal leve. A informação foi divulgada em coletiva de imprensa concedida pelo delegado Sebastião Escórcio, da delegacia de Direitos Humanos.

Segundo o delegado, o agressor já estava identificado e com a prisão decretada quando se presentou à delegacia acompanhado do advogado. “Ele negou ter feito o programa com a Brenda e declarou ter pensando se tratar de uma mulher. Quando viu que era travesti, pediu o dinheiro de volta e ela não quis dar”, disse o delegado.

BrendaCaso estranhamento o fato de Jackson ter pago pelo programa antes de realizá-lo. Brenda afirma que chegou a ir para um hotel com ele, fez o programa e somente na volta o agressor pediu o dinheiro e iniciou as agressões. Ela relatou ainda que ele teria dito que ela seria a próxima, o que a fez lembrar da morte de Makelly Castro.

O delegado, contudo, acredita que Jackson não tem relação com o homicídio. Por outro lado, reconhece a proximidade do assassino de Makelly com o agressor da travesti Bárbara. “As características do homem e do veículo que agrediram a Bárbara e do que pegou a Makelly para fazer programa batem”, disse Sebastião Escórcio.

portalodia.com

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas