Após 3º empate no Nordestão, Diá frisa: “Faltou movimentação” imprimir publicado em: 13 / 02 / 2017

DiaO Altos voltou a campo na tarde deste domingo, pela 3ª rodada da Copa do Nordeste. O time da Cidade da Manga conseguiu apenas segurar o 0 a 0 diante do Bahia, em Teresina, em um jogo movimentado e com direito a expulsão no Tricolor baiano. Com o resultado, o Jacaré soma apenas três pontos e fica cambaleante na zona de classificação no Grupo B. E é justamente por essa realidade que as reclamações do técnico Francisco Diá foram intensas. Durante a coletiva no fim do jogo, o treinador explicou a mudança feita no time ainda no primeiro tempo e os erros que impediram a equipe de sair com a vitória no estádio Lindolfo Monteiro.

– Cada jogo é uma história. Cada jogo é diferente e tem com um adversário diferente também e não repetimos a mesma atuação. Faltou um pouco de movimentação na frente e a equipe colocar a bola no chão. Não fizemos isso, os jogadores ficaram querendo fazer ligação direta e fizeram o jogo do Bahia – explicou.

Diá apostou no mesmo time titular que deu certo contra o CRB, pela Copa do Brasil. Porém a mudança logo no primeiro tempo mostrou a insatisfação do treinador. 

– Eu tirei o Jeremias para dar mais um pouco de velocidade porque ele não entrou no jogo. Ele estava totalmente fora de si, e o volante deles começou a jogar. Então, eu coloquei o Uilliam que é um terceiro atacante para dar mais velocidade e chegar mais um pouco na frente. O Bahia começou a encurralar e, com a entrada do Uilliam, deu uma consertada no meio de campo – disse o treinador.

Com esse resultado, o Altos soma três pontos e o terceiro empate no Nordestão. O próximo desafio do Jacaré na disputa regional será dia 2 de março, no jogo de volta com o Bahia, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

 

globoesporte.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas