Após reforma, Clube dos Diários é reaberto com nova estrutura imprimir publicado em: 21 / 01 / 2016

clube dos diários TeresinaUm dos principais espaços culturais do Piauí está de cara nova. O Clube dos Diários, localizado no Complexo Cultural da Praça Pedro II, Centro de Teresina, foi totalmente restaurado e vai ser reaberto a partir das 9h30 desta quinta-feira (21).

A reabertura contará com apresentações de balé, espetáculo litero-musical e do Quarteto de Cordas da Orquestra Sinfônica de Teresina.

Há 89 anos presente na história cultural piauiense, o Clube dos Diários faz parte do complexo que reúne o centenário Theatro 4 de Setembro e a Praça Pedro II. A solenidade reabertura contará com a presença do governador do estado, Wellington Dias, e do secretário estadual da Cultura, Fábio Novo.

Durante a noite, a partir das 19h, o espetáculo ‘Arrumadinho – Mostra de Futuros Autores’ fará a inauguração do ‘Teatro Torquato Neto’, que antes funcionava como sala. O novo espaço manteve sua capacidade para 130 lugares, mas ganhou carpete, forro acústico, novos camarins e banheiros, climatização, iluminação e poltronas restauradas.

A restauração, de caráter emergencial, foi autorizada em setembro de 2015 pelo governo do estado, após uma vistoria constatar que parte do teto da Galeria de Arte do Clube dos Diários estava comprometida, correndo risco de ceder. As obras foram iniciadas em outubro de 2015 e cerca de R$ 600 mil foram investidos na reforma de todo o complexo, que consistiu principalmente na restauração e impermeabilização do telhado.

Segundo o secretário de Cultura Fábio Novo, a reforma se estende ao Theatro 4 de Setembro e ao espaço Osório Júnior, onde são realizados os shows do projeto ‘Boca da Noite’. A previsão é concluir toda a obra até o início de março.

“Com a reabertura, a população vai ganhar um novo Clube dos Diários, que há 20 anos não passava por uma restauração desse porte. Detalhes que recontam a história da casa e que estão presentes do forro ao piso passaram pelas mãos do restaurador e escultor Mestre Dico. Trata-se de um prédio centenário que exige um trabalho minucioso e artesanal de restauração”, contou.

Portaldaclube


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas