Aumenta o número de arrombamento de carros em Teresina imprimir publicado em: 03 / 09 / 2016

arrombamentoA polícia não tem registro de quantos já foram os arrombamentos de carros de janeiro até agosto, em Teresina, mas não é difícil encontrar vítimas. A ação dos assaltantes é rápida. Em poucos minutos eles conseguem abrir o veículo e retirar tudo o que há de valor. Quem passa por isso, se sente inseguro e contabiliza prejuízos.

Juliano Corona teve que comprar uma nova aparelhagem de som e trocar o vidro do seu carro. Há um mês ele foi vítima dos criminosos. “Eu tive um prejuízo de R$ 4.700. Levaram tudo que foi possível e parece que foi gente que conhece, porque não tinha nada arrancado e sim desparafusado”, disse.

Câmeras de circuito interno flagram a ação dos criminosos frequentemente. Em um dos vídeos conseguido pela TV Clube mostra quando um homem arromba um veículo estacionado. No vídeo é possível ver que o criminoso usa uma tornozeleira eletrônica, ou seja, ele já é monitorado pela justiça, mas nem isso tem foi suficiente.

Vítimas desse tipo de ação não faltam. O representante comercial Judson Macêdo foi uma dessas pessoas. “Levaram tudo o que encontram no meu carro. Roubaram celulares, computador, mala de viagem e outras coisas. Foi tudo rápido, porque eu tinha estacionado em um supermercado para resolver umas coisas e quando retornei vi o arrombamento”, contou.

A polícia não tem números, até mesmo porque nem todas as vítimas procuram uma delegacia para realizar o Boletim de Ocorrência. Quem trabalha com a troca de vidros de veículos afirma que a procura aumentou. “Todos os dias chegam várias pessoas querendo trocar o vidro do carro. As pessoas sempre falam que foram vítimas de arrombadores. A procura de uns tempos para cá aumentou bastante”, contou Flávio Soares, gerente de uma vidraçaria.

A Polícia Militar alerta para que os motoristas de veículos devem tomar alguns cuidados para evitar atrair a atenção dos ladrões. “Orientamos que o cidadão deixe seu carro em local iluminado e que quem se sentir com medo ligue para o 190 que nós iremos reforçar a ronda naquele local onde fomos acionados”, afirmou o tenente Wattson, do 8º Batalhão.

Portaldaclube


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas