Bando que roubou avião e três carros-fortes tinha 15 pessoas imprimir publicado em: 29 / 11 / 2016

Uma quadrilha formada por pelo menos 15 homens roubaram três carros-fortes no Aeroporto de Floriano, nesta terça-feira (29). O bando usou quatro veículos para cometer o crime. A Polícia Militar informou que a quadrilha chegou ao local quando os malotes estavam sendo retirados de uma aeronave. Houve confronto com a PM e um policial levou um tiro.

“Eles chegaram atirando contra os carros-fortes, fizeram de escudos três seguranças da empresa de transporte de valores e levaram todos os malotes que seriam transportados”, disse o comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar, coronel Rubens Lopes.

caminhao

Caminhão foi incendiado após fuga de quadrilha

Um policial que fazia a segurança dos carros-fortes levou um tiro na axila, foi socorrido, levado para o Hospital Regional Tibério Nunes, onde vai passar por cirurgia para a retirada do projétil. Seu estado de saúde é considerado estável.

Segundo a PM, a aeronave ainda estava no aeroporto no momento em que a quadrilha chegou. No entanto, não foram disparados tiros contra o avião. A polícia não soube informar de onde a aeronave vinha. O dinheiro que foi roubado abasteceria Floriano e as cidades circunvizinhas.

Na fuga, a quadrilha incendiou dois caminhões. A polícia teve a informação de que eles conseguiram fugir no sentido a cidade de Jerumenha. Equipes de policiais militares de outros municípios, como Eliseu Martins, Guadalupe, Oeiras e Barão de Grajaú (MA) estão em diligências buscando os suspeitos.

Terceiro caso em um mês
Outro caso de roubo à carro-forte aconteceu na última quarta-feira (23), quando um veículo foi alvo de explosão na BR-343, próximo ao município de Campo Maior, Norte do Piauí. De acordo com a polícia, quatro homens integravam o bando. Eles conseguiram fugir num veículo de modelo diferente ao que usaram na abordagem.

No mês de outubro, um carro-forte foi alvo de um bando fortemente na BR 316, nas proximidades do povoado Gaturiano, em Dom Expedito Lopes. A quadrilha explodiu o veículo com dinamite e conseguiu roubar toda a quantia que era levada para abastecer agências bancárias das cidades de Inhuma, Valença e Elesbão Veloso.

Portaldaclube


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Vale

últimas