Carro-forte do Piauí é fuzilado no Maranhão e Polícia envia reforço imprimir publicado em: 02 / 05 / 2018

carro fortePoliciais da Força Tática da Polícia Militar de Parnaíba foram enviados para reforçar as buscas por um bando, que fuzilou um carro-forte da empresa piauiense CET SEG transporte de valores. O crime ocorreu na tarde desta quarta-feira (02), na cidade de São Bernardo no Maranhão e os bandidos fugiram com todo o dinheiro que era transportado no veículo.

A localidade de Canabrava, local onde o veículo foi abordado, fica mais próxima do município de Buriti dos Lopes, no Piauí. A cidade maranhense também está separada apenas pelo rio Parnaíba dos municípios de Madeiro, Luzilândia, Joca Marques e Murici dos Portelas. Segundo o delegado maranhense do Departamento de Repressão a Crimes a Instituições Financeiras, Luís Jorge, o grupo teria fugido em direção ao Piauí.

De acordo com o coronel Antônio Pacífico,do 2º Batalhão da Polícia Militar do Piauí, foram enviadas duas equipes totalizando oito homens para reforçar as buscas pelos criminosos na região. Um alerta também foi emitido para os municípios de Murici dos Portelas, Luzilândia, Joca Marques e todos os outros que ficam no entorno.

“Todos estamos movimentados e atentos com relação aos casos e todas as informações. Tomamos consciência deste ocorrência por volta de 15h40 e imediatamente já alertamos a várias cidades da região”, explica o comandante.

Entenda o caso

Em entrevista ao portal G1 do Maranhão, o delegado informou que o carro forte foi interceptado e os seguranças tiveram que abandonar o veículo. “Infelizmente os seguranças de carro-forte utilizam escopeta calibre 12, que não dá pra confrontar com fuzil”, declarou o delegado na reportagem.

Cerca de quatro a seis pessoas participaram do assalto, e a quantia levada ainda não foi informada. O Grupo Tático Aéreo do Maranhão foi enviado para a área e a Polícia piauiense segue em alerta de reforço.

Cidadeverde.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas