Chateado com pênalti, Dos Santos reprova “falta de paciência” do Altos imprimir publicado em: 06 / 02 / 2017

Fortaleza

Dos Santos derruba Lúcio Flávio logo no começo do primeiro tempo

Com seis minutos de bola rolando, o Fortaleza vencia o Altos por 1 a 0. Dos Santos derrubou Lúcio Flávio dentro da área, e o próprio atacante do Leão converteu a cobrança de pênalti. No pós-jogo, o volante – improvisado na lateral direita – se mostrou chateado com o lance. O 1 a 1 deixou o Jacaré na segunda posição do complicadíssimo Grupo B, que tem Bahia e Moto Club no páreo.

– Fica a chateação (pelo lance do pênalti), um pouco de desatenção. Poderia esperar mais, porém tem o mérito do atacante. Agora é descansar porque tem a Copa do Brasil no meio de semana. Temos que focar esse jogo – respondeu o jogador ao falar sobre o pênalti.

O Altos fez um bom segundo tempo, quando encurralou o Fortaleza e criou as melhores chances. O rendimento na etapa final, contudo, não apagou a ruim atuação no primeiro tempo, o que custou caro no placar.

Se o técnico Diá colocou a falta de empenho dos atacantes como culpada pelo resultado, Dos Santos avaliou que a ausência de paciência pesou.

– Fizemos um bom jogo. Começamos meio apático, mas colocamos a bola no chão e trabalhamos. Tivemos paciência. No segundo tempo, voltamos mais atentos e conseguimos impor o nosso ritmo. Faltou um pouco mais de paciência para concluir, ficou o empate com o gosto de derrota por ser dentro de casa.

Pela Copa do Nordeste, o Altos joga no próximo domingo novamente no Lindolfo Monteiro. O adversário será o Bahia. Antes, o Jacaré tem a Copa do Brasil pela frente. Recebe o CRB, na quarta-feira, no Lindolfinho.

globoesporte.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas