Chuva deixa famílias desabrigadas e Curimatá decreta calamidade imprimir publicado em: 29 / 01 / 2016

curimataO prefeito do município de Curimatá, a 775 km de Teresina, vai decretar estado de calamidade pública por conta dos estragos provocados pela chuva na cidade. Segundo o gestor, Reidan Kleber, pelo menos quatro bairros permanecem alagados há vários dias e famílias, ainda não contabilizadas estão desabrigadas e recebendo apoio da prefeitura.

“O volume que era esperado para o ano inteiro por aqui, já caiu em menos de 20 dias. Como fomos pegos de surpresa a água tomou conta da cidade e temos bairros onde a água ultrapassa a altura do joelho”, explicou o gestor.

A prefeitura ainda não contabilizou o número de famílias desabrigadas, mas segundo o prefeito, elas já estão sendo atendidas desde esta quarta-feira (28). Imagens enviadas pelo prefeito mostram a situação em que se encontram algumas regiões e Reidan faz um apelo ao Governo do Estado e à Defesa Civil por ajuda.

“A gente pede aqui que a Defesa Civil nos ajude porque o momento é agora, não é para amanhã. Precisamos hoje – sei que cidades vizinhas também estão assim mas estamos nos mobilizando para tirar as pessoas de casa”, pediu.

curimata

Cidadeverde.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas