Considerado o pior apresentador por Silvio, Portiolli diz: “sou artista” imprimir publicado em: 28 / 05 / 2014

Celso Portiolli foi comemorar com Carlos Alberto de Nóbrega seus 60 anos de televisão, na noite dessa terça-feira (27), no espaço Terra da Garoa, em São Paulo. O apresentador teceu elogios ao amigo de emissora. “É uma pessoa incrível, grande pai, grande amigo, revela muitos talentos, é um cara generoso, me ajudou muito no SBT, me aconselhou demais. Não falo mais que adoro ele, eu amo ele, ele é mais que pai”.

Portiolli

Carlos Alberto de Nóbrega e a filha posam com Celso Portiolli e a mulher

No ar com o “Domingo Legal”, Celso disse que a briga pela audiência das emissoras aos domingos ajuda a renovação e qualidade do programa apresentado por todos. “É bom quando tem essa briga, a concorrência faz todo mundo trabalhar. O ‘Domingo Legal’ estava há vários anos na vice-liderança, consolidado, na boa e aí deu essa chacoalhada. O bom foi que nessa briga toda, o programa aumentou audiência, está entrando coisa nova, dando oportunidade para novas pessoas e  fiquei mais tranquilo depois do recado que eu recebi do Silvio”, disse ele. “Eu estava preocupado, porque não posso perder a linha com o tipo de programa que vai arranhar a minha imagem no futuro, tem que tomar muito cuidado para não focar somente no ibope. A gente procura fazer um programa família e essa era a preocupação do Sílvio, manter a qualidade porque depois resolvia o ibope”.

O apresentador ainda não escapou da pergunta sobre o comentário de Silvio Santos, que disse em um de seus programas que Celso era o pior apresentador do Brasil.

“Foi o dia que descobri que era artista de verdade. Você trabalhar há 20 anos na empresa, ser revelado nela, fazer programas caros – só uma casa do ‘Domingo Legal’ custa 600 mil reais – é caro, é pesado, equipe grande, programa ao vivo, no passado recebi propostas e não me deixaram sair, te pagam bem e o dono te acha o pior apresentador do Brasil? Então sou um artista. Você ser o pior e ficar nesse tempo todo e nessa folga, isso é ser artista”, disse ele, brincando que não vai ceder seu horário na grade da emissora caso Silvio Santos queira entrar ao vivo aos domingos. “Só porque ele é dono, quer meu horário? Claro que não. Acha que manda? Se você pegar meu horário e continuar falando o que falou de mim, não vou renovar meu contrato”, finalizou rindo.

iG


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas