Cris ‘Cyborg’ perde a paciência com Ronda: “Covarde”, diz lutadora imprimir publicado em: 29 / 09 / 2016

crisCris ‘Cyborg’ venceu sua última luta, sábado passado (24), quando nocauteou Lina Lansberg facilmente ainda no segundo assalto. E, como virou rotina em sua carreira nos últimos anos, voltou a ser questionada sobre uma possível superluta com Ronda Rousey. Mas desta vez ela perdeu a paciência com a indecisão da americana.

Sem lutar desde novembro de 2015, quando foi nocauteada por Holly Holm, Ronda segue longe das câmeras e dos jornais, mas viu seu nome ser mencionado por Dana White, presidente do UFC que afirmou que ela poderia retornar ao octógono ainda este ano. Rapidamente, Cyborg foi questionada sobre o tema.

“Ronda é uma covarde. Vou lutar com ela em qualquer momento do ano que vem. Você pode ter todo o dinheiro do mundo, mas eu tenho algo que o dinheiro não compra: coração de guerreiro”, afirmou em conversa com o site TMZ.

Já durante a gravação de um vídeo para o mesmo site, a brasileira afirmou que se cansou da novela sobre sua possível mudança de categoria e deixou claro que não lutará entre os galos (61 kg), além de afirmar que, se houvesse a divisão dos leves (70 kg), seria lá que ela lutaria.

“Venho tentando baixar para 61 kg por causa desse plano. Porquê ele quer que eu lute com a Ronda, mas eu tenho que ir para 61 kg. Mas isso está fora da mesa. Tentamos, mas é muito ruim. Talvez 63, 5kg, que já é difíil também. Mmas posso fazer. Sou a única campeã que desce de peso por lutas, todos os outros caras sobem. McGregor luta acima, ninguém desce. Se tivesse a categoria de 70 kg, eu com certeza lutaria nela”, afirmou, antes de criticar a postura de Ronda por se calar diante da derrota.

“Vencer ou perder não é o final do mundo. Perder é parte do esporte, é mais importate competir. Claro todos querem vencer, mas na luta todos perdem e vencem. Mas ela tem que voltar e mostrar para os fãs. […] Não é uma boa mensagem. Quando você, ok, está tudo bem. Mas qual a mensagem que você tem para as crianças? Quando você perde, você desiste?”, provocou a brasileira, que segue invicta por 11 anos no MMA.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Vale

últimas