Delegado vai pedir prorrogação de inquérito de assassinato no PI imprimir publicado em: 07 / 03 / 2017

casaO delegado Andrei Alvarenga, titular da 5ª Delegacia Regional de Campo Maior, revelou que vai pedir prorrogação de prazo para concluir o inquérito que apura o assassinato do idoso Lúcio Anselmo Sales, 56 anos, morto em janeiro deste ano na comunidade Velame, zona rural de Campo Maior.

Andrei comenta que a investigação segue em estágio avançado, mas requer diligências com um prazo maior. “Vamos pedir prorrogação do prazo para podemos concluir o processo. Trabalhamos com algumas linhas de investigação e esperamos, ao final, dar uma resposta a esse assassinato”, diz o delegado.

Lúcio Anselmo foi encontrado morto em sua residência no dia 23 de janeiro deste ano. A perícia feita no corpo descobriu que o homem foi morto a pauladas na cabeça. Jucivaldo Lima Sales, filho do idoso, foi assassinado a facadas na mesma casa em abril do ano passado. O pai era investigado como suspeito do crime.

Questionado se há relação entre os dois assassinatos, o delegado não descarta essa possibilidade, mas prefere não divulgar detalhes da investigação. Andrei Alvarenga afirma que existem suspeitos do crime.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas