Doutor Pessoa afirma que se provocarem ele reage imprimir publicado em: 31 / 07 / 2016

No apagar das luzes, último prazo para as convenções das eleições de 2016, os partidos PSD, PR e PHS formalizam aliança em convenção, na manhã deste domingo (31), no Clube dos Cem, Parque Piauí, zona sul de Teresina. A convenção formaliza o nome do médico e deputado estadual, José Pessoa Leal, o “Dr Pessoa” (PSD) como candidato a prefeito e da coronel PM Júlia Beatriz (PR) como candidata a vice prefeita.

PessoaO médico e a coronel fazem dobradinha política com um discurso de mudança, de inovação. “Teresina não pode continuar da forma que se encontra, sendo comandada há mais de duas décadas por um mesmo grupo. O município está cheio de problemas, do trânsito a coleta de lixo; passando pela saúde e educação. Vou fazer uma campanha grande e bonita, mas se cutucarem, eu reajo”, diz Doutor Pessoa.

Ingresso na política

Movido por vontade e espírito de luta, candidatou-se a deputado estadual e a prefeito, ambas, por duas vezes: uma em Água Branca e outra em  Lagoinha do Piauí, mas não obtive êxito.  Entretanto, nunca desistiu de encarar com firmeza, e de cabeça erguida, as dificuldades que lhe  foram impostas. Foi por sempre acreditar na concretização de um sonho que como cidadão, médico e acima de tudo idealizador, conquistou a confiança e o reconhecimento da sociedade piauiense, sobretudo a dos teresinenses, sendo eleito vereador, na cidade de Teresina por quatro vezes consecutivas. Em 2014 foi eleito deputado estadual do Piauí com uma votação de 35 mil votos, praticamente sem fazer campanha.

No ano de 1969, antes de ingressar na Universidade morou  em Albergue na Praça Mauá e na casa do estudante na Praça Tiradentes no  Rio de Janeiro. Em 1970, mudou-se para a Casa dos Estudantes em Manaus – AM, onde passou  seis meses na cidade em busca dos seus ideais. Tudo isso foi o preço que pagou por não aceitar a ideologia de tal regime.

No mesmo ano, Retornou para o Rio de Janeiro e no ano seguinte, ingressou na Universidade e como não tinha para onde ir, passou a residir em pensionato de Freiras (período universitário) em Teresópolis – RJ.

Uma das  maiores conquistas do menino pobre que veio do interior do Piauí  foi a Formação Superior.  Médico diplomado pela Faculdade de Medicina de Teresópolis, Rio de Janeiro, especializou-se  em Cirurgia Geral, Saúde Pública, Administração Hospitalar, Medicina do Trabalho e Titular do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, RJ. Trabalhou  como acadêmico em 1975 e posteriormente a partir de 1978 como médico no estado do Rio de Janeiro. Foi diretor do Serviço de Urgência e Emergência (Pronto Socorro) do Hospital da Clínicas de Teresópolis – RJ, desempenhou ainda atividades de ensino professor concursado de cirurgia geral na Faculdade de Medicina de Teresópolis – RJ (departamento de cirurgias).

Já no Piauí foi Diretor do Hospital do Satélite Teresina-PI e Diretor do Serviço de Urgência e Emergência do Hospital Getúlio Vargas, Teresina-PI (Hospital de Ensino). Atualmente é  Professor Adjunto em Cirurgia Geral na Universidade Federal do Piauí – UFPI, Coordenador do Curso de Urgências Médica e Cirúrgicas na UFPI, Coordenador de monitores do curso de Urgências Médica e Cirúrgicas na UFPI, Membro do Conselho Universitário da UFPI.

PortalAZ


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas