Google age para respeitar “direito ao esquecimento” imprimir publicado em: 30 / 05 / 2014

censuredO Google colocou no ar um formulário para que internautas europeus possam pedir a remoção de conteúdo que não os agrade, em resposta à recente decisão da União Europeia de forçar buscadores a assegurar direito ao esquecimento na internet.

O Tribunal de Justiça da UE determinou que internautas tenham mecanismos para requerer que os sites parem de listar conteúdo “inadequado, irrelevante ou não mais relevante, ou excessivos em relação aos fins para os quais foram processados”.

Como essa avaliação seria subjetiva demais para os algoritmos do Google, a empresa decidiu olhar cada caso separadamente, por isso colocou o formulário no ar. “Por favor, note que este é um esforço inicial”, adianta a companhia.

Antes de deletar um link, serão levados em conta se ele leva a informações desatualizadas sobre a pessoa e se há interesse público, contendo, por exemplo, dados sobre fraudes financeiras, negligência profissional, condenações penais ou sobre a conduta de funcionários de governo.

Olhar Digital


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas