Homem é morto próximo à casa da mãe no Residencial Árvores Verdes imprimir publicado em: 21 / 08 / 2014

arvoresO desempregado Francisco das Chagas Santos Araújo, 42 anos, foi assassinado por volta das 4h desta quinta-feira (21), na Q-24 do Residencial Árvores Verdes, na zona Leste de Teresina. Segundo a família da vítima, ele era usuário de maconha, porém não tinha antecedentes criminais ou rixas. Testemunhas afirmam terem ouvido pelo menos seis disparos.

Francisco morreu na rua da casa de sua mãe para onde se mudou na quarta-feira (20) após se separar da mulher com quem vivia.

O irmão de Francisco, Raimundo Santos Araújo, acredita que ele tenha sido assassinado por conta de uma antiga rivalidade entre os jovens da Vila Santa Bárbara e do Conjunto Árvores Verdes. “Ele não mexia com ninguém. Por volta da 1h da madrugada eu disse pra ele entrar em casa e tranquei a porta para ele não sair, mas não adiantou”, lamenta.

Raimundo saiu para procurar o irmão nas primeiras horas da manhã e encontrou o corpo do em uma calçada de uma das casas vizinhas, cuja frente está cheia de pedras. Rastros de sangue estavam pelo chão desde a residência da família até onde Francisco foi encontrado. Segundo o irmão, ele estava com duas marcas de tiros no peito.

Almira Santos Araújo, mãe da vítima, estava bastante emocionada e afirmou ter ouvido os disparos. “Ele estava bebendo na calçada e insistimos para que ele não saísse. Mas ele decidiu ficar. Pouco depois que eu entrei para dormir, ouvi uns tiros e os gritos. Saí para olhar quem era, mas não vi ninguém. Chamei por ele, mas não encontrei”, descreve.

Cidadeverde.com

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas