INSS inicia revisão e pode cancelar 70% dos benefícios no Piauí imprimir publicado em: 07 / 11 / 2016

inssNão é de agora que o Governo vem fazendo reclamações em relação ao valor aplicado mensalmente em pagamentos de aposentadorias por invalidez e licenças médicas para seus segurados. Agora, o Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) iniciou uma revisão dos benefícios concedidos pelo órgão para detectar possíveis irregularidades na concessão dos benefícios e evitar o rombo que só cresce.

No Piauí cerca de 7 mil pessoas recebem auxílio doença, por exemplo. A expectativa do órgão é reduzir em pelo menos 70% esse benefício. Para isso, o órgão está enviando a todos os beneficiários, uma carta convocando-os para fazer uma reavaliação da necessidade de permanecer recebendo o benefício. “As pessoas receberão uma carta. Após receber a carta, o beneficiário terá cinco dias para ligar para o 135 e agendar a perícia. Ele terá que ir até uma agência fazer a perícia. De posse do resultado da perícia, ele poderá ter ou a concessão de uma aposentadoria por invalidez ou, caso esteja apto ao trabalho, ele voltará a atividade”, explica o gerente executivo do INSS no Piauí, Ney Ferraz.

A ideia, segundo ele, não é cancelar benefícios, mas regularizá-los para possibilitar o recebimento do benefício apenas a quem realmente preencha os pré-requisitos exigidos para a concessão dos benefícios. Com a revisão, o órgão estima que deverá economizar cerca de R$ 90 milhões por ano.

O trabalho de revisão dos benefícios está acontecendo em todo o país e várias irregularidades já foram detectadas e centenas de benefícios cancelados. Em alguns casos, havia beneficiário que já recebia os auxílios por mais de 20 anos, por determinação judicial, sem nunca sequer ter passado por uma reavaliação da necessidade de recebimento do benefício.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

0 comentário Comente agora!

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

últimas