Janot denuncia Ciro Nogueira por organização criminosa imprimir publicado em: 02 / 09 / 2017

CiroO senador piauiense e presidente nacional do Partido Progressista (PP), Ciro Nogueira foi denunciado ao Supremo Tribunal Federal (STF), pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot nesta sexta-feira (01), por organização criminosa para atuar no esquema de corrupção na Petrobras. Outros políticos do PP também foram denunciados.

De acordo com informações do Estadão, essa é a primeira denúncia oferecida pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra políticos no ramo de investigação conhecido como “quadrilhão”, que apurou a organização entre políticos e operadores para atuar na Petrobras.

O inquérito que investiga o PP mira 30 alvos. O ex-ministro Aguinaldo Ribeiro também foi denunciado. A denúncia será mantida em sigilo no STF, já que foram usadas informações da delação do ex-deputado Pedro Corrêa (PP-PE), que ainda segue protegida por segredo de justiça.

Janot abriu a investigação na primeira leva de inquéritos pedidos ao STF na Lava Jato, em março de 2015. Na época, contudo, a própria Procuradoria pediu para fatiar a investigação em quatro ramos: PP, PMDB do Senado, PMDB da Câmara e PT. Foram as informações prestadas pelos primeiros delatores, Alberto Yousseff e Paulo Roberto Costa, que deram origem à investigação.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas