Estagiária confessa participação em crime que levou à morte de PM imprimir publicado em: 09 / 03 / 2017

Uma jovem de apenas 16 anos foi apreendida, no final da tarde de ontem, por participação no assalto que levou à morte do policial militar Valdir Vale, no último dia 7, em Teresina. Ela é estagiária na clínica que foi alvo da ação dos bandidos.

Policial

 

Segundo o major Flávio Pessoa comandante do 5º BPM, onde o cabo Valdir estava lotado, a jovem fazia o levantamento de informações sobre o local. “Ela quem descobriu o dia em que um funcionário da clínica saía até o banco e voltava com o dinheiro. Ela deu a dica”, disse o major Pessoa.

A adolescente passou as informações para seu irmão, que é membro da quadrilha. A menina confessou ter aceitado a proposta de receber R$ 3.000,00, com o sucesso do referido crime.  O cabo Valdir Vale presenciou a tentativa de assalto e tentou intervir, mas foi baleado e morto.

A polícia agora já sabe que quatro pessoas participaram da ação: dois em uma motocicleta caracterizada como mototáxi, e mais dois em um carro de apoio. “Estamos trabalhando nessa linha de investigação, e ela já declinou o nome dos participantes”, disse o major Pessoa.

portalodia.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas