Juiz da propaganda poderá rever proibições em praças públicas imprimir publicado em: 30 / 07 / 2012

juizO juiz da propaganda, Antônio de Paiva Sales, poderá rever a proibição dos candidatos fazerem campanha em praças públicas e mercados. Hoje, os candidatos Daniel Solon (PSTU) e Macklandel Aquino (Psol) estiveram reunidos com o juiz pedindo uma reconsideração em relação às vedações publicadas na resolução para a propaganda em Teresina.

Macklandel Aquino reclamou ao juiz que já foi multado por fazer panfletagem na praça Saraiva. Daniel Solon se queixou que foi notificado só por colocar na agenda que iria visitar um mercado.

O juiz pediu que os candidatos encaminhassem por escrito as reclamações para que ele pudesse rever a resolução.

“Vamos analisar as reclamações, pois pode haver alguns exageros na resolução, que foi feito pela equipe da propaganda, e vamos rever e que é propaganda, corpo-a-corpo e pedir votos”, disse o juiz.

Cobrança de R$ 10,00

O candidato Daniel Solon denunciou ao juiz que existem candidatos que estão pagando de R$ 10,00 a R$ 15,00 a cabos eleitorais para fazerem panfletagem nas ruas.

O juiz pediu que Daniel representasse por escrito a denúncia. Daniel considera a resolução como “abuso”, pois veda o direito de ir e vir. “Pedimos ao juiz que reveja a sua decisão, pois prejudica os partidos pequenos e torna a campanha mais desigual”, disse.

Cidadeverde.com

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas