Miesha perde para Pennington e se aposenta: “Não dá mais para mim” imprimir publicado em: 13 / 11 / 2016

penningtonMiesha Tate se aposentou com derrota. A ex-campeã dos galos do Ultimate caiu diante de Raquel Pennington por decisão unânime (29-28, 30-27, 30-27) no UFC 205, em Nova York, nesta sábado, e anunciou sua aposentadoria do esporte, após atuação abaixo da média.

Miesha começou mirando a linha de cintura de Pennington, enquanto a adversária apostava nos jabs no rosto. Raquel logo encontrou a distância, e começou a magoar Tate, que recorreu à luta agarrada. A ex-campeã foi para o “single leg” e quase acabou surpreendida por uma guilhotina. Miesha apoiou os pés na grade e fez um malabarismo para evitar a finalização.

Pennington iniciou o segundo assalto dominando o centro do octógono e desferindo bons socos retos. Tate tentava se aproximar, mas Raquel a rechaçava com golpes frontais. Na terceira parcial, a luta foi para o solo e Miesha caiu por baixo, próxima à grade, ficando em situação muito desfavorável. Pennington amassou a ex-campeã, que nada podia fazer. Ela chegou a esboçar uma chave de calcanhar, mas não teve êxito. Logo após o soar da buzina, Miesha, que àquela altura já reconhecia a derrota, deu um beijo na testa de Raquel, a quem comandou no TUF 18. Na entrevista pós-luta, a veterana do MMA anunciou sua aposentadoria.

– Já estou nisso há muito tempo, meu corpo foi muito punido. Não dá mais para mim. Vou amar esse esporte para sempre, mas não é mais minha hora. É a hora do futuro – disse Miesha.

Tate tem 25 lutas no cartel, sendo 18 vitórias e sete derrotas. Conhecida pela rivalidade com Ronda Rousey, a “Cupcake” fez dois combates com “Rowdy” e perdeu ambos. Miesha ostentou os cinturões do UFC e do Strikeforce.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Biocentro

últimas