Ministro do STF manda Caixa liberar empréstimo em três dias imprimir publicado em: 20 / 04 / 2018

fachinA Caixa Econômica Federal tem até terça-feira (24) para liberar a segunda parcela do empréstimo no valor de R$ 315 milhões ao Governo do Estado do Piauí. Uma liminar assinada na quinta-feira (19) pelo ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), determina a liberação imediata dos recursos sob pena do pagamento de multa diária de R$ 50 mil.

No despacho, o ministro Fachin determina que sejam comunicados, com urgência, da sua decisão, a Caixa, a União e o Governo do Estado.

Existem vários questionamentos na Justiça em relação à operação de crédito assinada pelo governo do Piauí e Caixa, sem o aval da União. Os recursos, da ordem de R$ 600 milhões, eram destinados a obras de infraestrutura e saneamento através do programa federal de Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento (Finisa).

Desde o final do ano passado, a oposição ao governo Wellington Dias questiona a aplicação dos recursos referentes à primeira parcela do empréstimo, de R$ 307 milhões, acusando o gestor de desviar o dinheiro para outras finalidades, inclusive para bancar a campanha eleitoral de Wellington Dias à reeleição.

Wellington Dias reagiu. “É lamentável. Ser oposição na política, eu compreendo, agora daí a esse trabalho de autofagia em relação ao estado, é lamentável. Eu, sinceramente, fazia tempo que não via isso e digo: é uma política atrasada e eu combaterei isso firmemente. Porque eu acho que quem trabalha dessa forma é contra o Piauí. E não é razoável a gente ter líderes contra os interesses do povo”, lamentou o governador.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas