MPE investiga subprocurador de Uruçuí por acúmulo de cargos imprimir publicado em: 11 / 03 / 2018

mp

Ministério Público do Estado do Piauí

O Ministério Público do Estado do Piauí abriu inquérito civil para investigar denúncia de acúmulo ilegal de cargos públicos na prefeitura de Uruçuí. A portaria nº 24/2018 foi assinada pelo promotor de Justiça Edgar dos Santos Bandeira Filho, na última terça-feira (06).

A investigação foi aberta depois que chegou ao conhecimento da promotoria, através de denuncia anônima, que Accioly Cardoso Lima e Silva, atualmente subprocurador do município de Uruçuí, é Procurador concursado do município de São Raimundo das Mangabeiras, no Maranhão e, ainda, advogado particular do atual prefeito de Uruçuí, Dr. Wagner.

O promotor requereu das prefeituras de Uruçuí e São Raimundo das Mangabeiras, no prazo de 10 dias, o ato de nomeação, local de trabalho e o horário de expediente de Accioly Cardoso Lima e Silva e, ainda, cópia de declaração de não acumulação de cargos assinada por ele no ato da posse.

Ele determinou ainda o envio de cópia da portaria de instauração e da denúncia para a Promotoria de Justiça de São Raimundo das Mangabeiras para que tome as providências que entender cabíveis.

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas