Na Alepi, Wellington se emociona ao falar sobre morte de Marisa Letícia imprimir publicado em: 02 / 02 / 2017

diasO governador Wellington Dias começou a ler a mensagem anual de abertura do ano legislativo bastante emocionado. Antes de falar fazer um balanço da sua gestão, o petista chorou ao falar sobre a ex-primeira-dama Marisa Letícia. Ele acredita que a pressão política dos últimos meses contribuiu para o AVC da esposa de Lula. “Lamento por tudo que aconteceu. A morte envolve muitas coisas, mas sei o quanto ela e o presidente Lula sofreram”, destacou Dias.

Quando chegou à Assembleia Legislativa, Dias falou rapidamente com a imprensa e lamentou a morte Marisa, que foi confirmada nesta quinta-feira (02), após sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Wellington viaja à tarde para São Paulo, onde vai acontecer o velório de Marisa Letícia. “São meus amigos, meus companheiros, e nesse momento de muita dor quero estar presente para dar um abraço pelo povo do Piauí”, disse Wellington.

O governador afirmou que conviveu com a família e que sabe da importância de Marisa para o ex-presidente e seus familiares. Ele destacou ainda as qualidades dela como uma pessoa honesta. “Se tiverem 10 brasileiros que a gente possa dizer que são honestos, certamente podemos botar Marisa Letícia. Eu a reconheço como uma pessoa decente e dedicada”, afirmou.

Dona Marisa Letícia Lula da Silva estava internada no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde o dia 24 de janeiro. Um exame apontou que não há mais fluxo de sangue da ex-primeira-dama e confirmou a morte cerebral. O perfil de Lula no Facebook agradeceu o apoio recebido durante esse período e informou que foram iniciados os preparativos para a doação de órgãos.

Mensagem anual

Na leitura da mensagem anual, Wellington Dias defendeu a parceria do setor público e privado para enfrentar a crise. O maior desafio,  segundo o chefe do executivo,  é atrair novos investimentos para o Piauí. “É fácil fazer o estado acelerar quando a economia está crescendo. Nosso desafio é fazer crescer o estado diante da crise que estamos passado”, declarou o governador,  que fez um balanço das atividades no ano passado.

Além de estar otimista com o desejo de acelerar o crescimento econômico do forma sustentável,  Dias elencou outra prioridade para 2017: qualidade na educação.  “Nossa meta é nenhuma pessoa fora da escola. Mas nao é só isso. Vamos buscar a qualidade na educação profissional, no ensino superior e na pós-graduação.  Queremos pessoas qualificadas para o empreendedorismo”, pontuou.

Wellington Dias apontou também outras metas, como a qualidade de vida e valorização dos servidores públicos, e destacou a importância da reforma na previdência do Estado, aprovada na Alepi. Ele disse ainda que pretende contar com o apoio dos deputados da base, da oposição e daqueles que se mostram independente para discutir projetos em prol do Piauí.

O Deputado Themistocles Filho (PMDB) comandou toda sessão e abriu a solenidade agradecendo aos deputados que o reelegeram presidente da Casa para o próximo biênio (2017/2018). Esse é o oitavo mandato do parlamentar a frente da Assembleia.

portalodia.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas