Netflix começa a bloquear usuários que driblam suas restrições territoriais imprimir publicado em: 22 / 01 / 2016

netflixJá começaram as ações da Netflix contra quem mascara o acesso à internet para assistir a conteúdo que não está disponível no seu país.

A australiana uFlix, que oferece um serviço pago que permite trocar o endereço de IP e as configurações de DNS para fins de entretenimento, publicou comunicado informando que seus clientes estão sendo barrados pela locadora virtual ao tentar consumir material que é exclusivo dos Estados Unidos.

“Você parece estar usando um desbloqueador ou proxy. Por favor, desligue esses serviços e tente novamente”, notifica a Netflix.

Segundo o Engadget, aparentemente apenas algumas pessoas estão sendo afetadas, mas a uFlix espera que o número aumente no futuro. “Estamos trabalhando em uma solução para contornar essas novas medidas e pedimos desculpa pelo inconveniente àqueles que atualmente só têm acesso à Netflix australiana”, diz a empresa.

Outras marcas de VPN já prometeram se colocar um passo à frente da locadora para evitar que seus usuários sejam impedidos de burlar as regras. Enquanto isso, a Netflix garante que trabalha para tornar seu catálogo legalmente acessível globalmente.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas