Quinta, 23 de maio de 2019
86 98179 0860
Entretenimento

02/03/2019 às 09h27

Redação

Teresina / PI

Capote abre apresentações de blocos hoje às 12h em Teresina
O grupo nasceu como uma homenagem ao carnaval pernambucano, daí o nome Capote, em referência ao recifense Galo da Madrugada.
Capote abre apresentações de blocos hoje às 12h em Teresina

Capote da Madrugada dá a largada nos desfiles de dezenas de blocos no carnaval de Teresina. A concentração começa às 12h, na Avenida Dom Severino, nas proximidades do cruzamento com a Presidente Kennedy. O desfile do Capote consagra o bloco com uma das marcas do carnaval teresinense. O grupo nasceu como uma homenagem ao carnaval pernambucano, daí o nome Capote, em referência ao recifense Galo da Madrugada.

O desfile transforma em um grande corredor da folia o trecho da Dom Severino entre a Kennedy e a Homero Castelo Branco. E o acesso é livre, sem cordões ou camarotes restritos. O folião pode participar do jeito que bem entender, embora o bloco venda camisetas que dão uma identidade ao que participa do Capote.

Uma das atrações musicais do bloco é Zé Roraima, outra marca do carnaval teresinense.

Além do Capote da Madrugada, outros cinco blocos dão alegria às ruas de Teresina. Um deles estará lá no final da Dom Severino: é o bloco Pinto na Morada, que anima a Morada do Sol a partir das 14h30. O ponto de concentração do Pinto na Morada é a Praça Carlos Castelo Branco.

Também estão na agenda do dia o Negão da Macaúba (a partir das 17h), o Fernandão Folia (às 19h), no bairro Nova Brasília; e o Bloco dos Piratas (20h), na Vila Operária.
 

Tem ‘Sanatório’ no final da tarde

Uma marca de todos os sábados de carnaval em Teresina estará hoje mantendo a tradição da alegria no Centro da cidade. É o bloco Sanatório Geral, que se reúne a partir das 16h, na Praça da Liberdade, ao lado da Igreja São Benedito. O bloco tem participação livre e traz sempre um tom de irreverência e protesto.

Esta é a 17ª vez que o Sanatório faz a alegria no sábado de carnaval. “O bloco é já uma tradição dos teresinenses”, observa Jorginho Medeiros, um dos criadores do Sanatório. Mas ele destaca que essa é uma tradição sempre sintonizada com o que acontece de novo e principalmente ligada nos acontecimentos, que servem de motor para a irreverência dos participantes.

FONTE: blog do Fenelon Rocha

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium