Operação interdita casa noturna e cine pornô no Centro de Teresina imprimir publicado em: 10 / 09 / 2018

70drinksDois estabelecimentos que exploram a atividade sexual foram interditados nesta segunda-feira (10) no Centro de Teresina durante uma operação da Polícia Militar do Piauí e a Superintendência de Desenvolvimento Urbano da Zona Norte de Teresina.

Os locais são conhecidos como pontos de prostituição. Os estabelecimentos interditados estão localizados na Rua Felix Pacheco e o outro na Rua Olavo Bilac. O primeiro funciona com a divulgação de filmes pornográficos e o segundo como casa de show noturna.

Os dois pontos foram interditados por não apresentarem licença e autorização para o funcionamento, e também por questões de insalubridade.

Os espaços não tinham o mínimo de higiene para a permanência de funcionários e clientes.  Alguns quartos o mau cheiro era forte, muitos espaços estavam com lixo acumulado. Em um dos estabelecimentos era possível ver baratas mortas no chão e havia fiação elétrica exposta.

Um terceiro estabelecimento foi multado por estar com o licenciamento da Prefeitura de Teresina atrasado. Esse está localizado no cruzamento da Rua Firmino Pires com a Rua São Pedro.

Na fachada do local, na Rua Félix Pacheco, o “Cine Vídeo” expõe que funciona de segunda a segunda, durante o dia e a noite (até 20h ou 22h a depender do dia)

“Ele coloca na parede até às 20 horas, mas ficava aberto até ter cliente, entrava na madrugada. O público era pessoas que se prostituía, idosos e até crianças eram aliciadas para o local. E também havia a circulação de drogas, pessoas viam até aqui e pegava drogas por meio dos buracos pela parede”, explicou o comandante do 1º BPM, tenente-coronel Carlos Teixeira.

“Usuários de drogas também frequentava o ‘cinema’ do Centro Comercial e as mulheres que faziam programa, tanto para usar o cinema como fazer o uso do espaço para sexo”, acrescentou o subcomandante do 1º BPM, major Raul Moraes.

O gerente de fiscalização da SDU-Norte, Eneas Costas, afirmou que os locais poderão voltar  a funcionar se atender corretamente todas as condições de licenciamento e autorização; incluindo a obediência de proibição de menores de 18 anos.

“Não apresentaram documentos nenhuma permissão da Prefeitura. Por isso, estamos interditando os estabelecimentos e recolhendo o material até a regularização da situação”, ressaltou Costas.

Sobre o estabelecimento multado com a licença vencida, o gerente de fiscalização  declarou que a proprietária terá sete dias para regularizar o documento.

Na casa noturna havia a presença de algumas meninas, que afirmaram morar no local e não tinham para onde ir. A polícia informou que elas tinham que recolher os pertences e se retirar do local. A orientação é que deveriam procurar pela Associação das Prostitutas no Piauí.

No cinema pornô, a operação não flagrou usuários. Na casa noturna que funciona como bar durante o dia houve flagra de clientes, na Rua São Pedro; já na rua Olavo Bilac foi encontrado as garotas, um funcionário e um pouco de droga.

O proprietário do Cine Pornô estava no local no momento do flagrante, e não confirmou o uso de drogas e de sexo no local. Ele disse que irá regularizar a situação. Com relação os dois outros estabelecimentos, os proprietários não estavam no local, apenas os funcionários.

Cidadeverde.com

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas