Orçamento de 2017 começa a tramitar na Assembleia Legislativa imprimir publicado em: 07 / 10 / 2016

Dias

Governador do Piauí, Wellington Dias

O Orçamento Geral do Estado (OGE) para 2017 começa a ser analisado pela Assembleia Legislativa na próxima semana. A proposta orçamentária estima receita e fixa a despesa em R$ 11.504.336.793,00 – o que representa um crescimento nominal de 1,02%.

A mensagem, lida em plenário na terça-feira (4) pelo presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (PMDB), estabelece que o valor final do Orçamento será de R$ 9.257.335.807,00, deduzidas as contribuições do Estado ao Fundeb e as transferências constitucionais aos municípios.

Após a definição do relator entre os membros da Comissão de Fiscalização e Controle, Finanças e Tributação, a matéria será debatida com os representantes dos demais Poderes e órgãos auxiliares. Em seguida, os deputados vão poder propor emendas, contemplando obras e serviços que considerem prioritários.

O OGE estabelece as prioridades e as metas que deverão ser atingidas no próximo ano, levando em conta a contenção de despesas correntes, principalmente em relação ao cumprimento da Lei de Responsabilidade Fiscal.

O Orçamento também levou em conta “o cenário de crise econômica mundial, iniciada em setembro de 2008 e que perdura até o presente, afetando fortemente a economia brasileira e trazendo reflexo à economia local, onde se vislumbra o prolongamento dos efeitos da crise no ano vindouro”, como adverte Wellington Dias na Mensagem.

A proposta estabelece políticas públicas que priorizam os investimentos e a qualidade das obras e serviços de Saúde, Educação, Infraestrutura, Desenvolvimento Econômico, Segurança Pública, Justiça Social e Cidadania, “buscando como resultado da implementação de programas e ações governamentais, promover o desenvolvimento sustentável do Estado com inclusão social”.

O Orçamento precisa ser votado antes do início do recesso de dezembro no Legislativo.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Esporte Uniao

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

últimas