Padre Herculano recorre de sentença que o condenou a 9 anos de prisão imprimir publicado em: 16 / 10 / 2017

PadreO ex-prefeito de São Raimundo Nonato, Padre Herculano Negreiros, apresentou recurso de apelação e razões contra sentença do juiz federal Pablo Baldivieso, que o condenou a 9 anos de prisão por peculato e formação de quadrilha.

O ex-secretário de Saúde, Waldivon Soares Tomaz e o ex-tesoureiro, Elizeu Paes Landim, condenados na mesma ação, também apresentaram recurso. Já o empresário Valdir Campelo da Silva não apresentou recurso.

O juiz Pablo Baldivieso decidiu, no dia 11 de setembro, receber a apelação dos réus.

Condenação

O Padre Herculano foi condenado, no dia 3 de agosto, por desvio de recursos públicos federais, repassados ao Município decorrentes de transferências automáticas/voluntárias do FUNDEF/FUNDEB, PAB, PSF, PACS e transferências constitucionais do FPM, por meio da aquisição de notas fiscais inidôneas para ‘maquiar’ a prestação de contas do município.

Segundo o MPF, foram realizados saques dos recursos das contas da Prefeitura de São Raimundo Nonato sem a efetiva contraprestação de serviços ou produtos, saques estes realizados pelos próprios gestores do município.

Waldivon e o empresário Valdir Campelo foram condenados a 9 anos de cadeia e Eliseu a 8 anos de prisão, todos em regime fechado.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas