PF apreende R$ 17 mil em operação que investiga compra de votos no PI imprimir publicado em: 12 / 10 / 2016

policia federalOperação realizada pela Polícia Federal (PF) apreendeu R$ 17 mil em um comércio e recolheu fichas de bebidas que foram distribuídas para eleitores durante a campanha na cidade de Oeiras, a 313 km de Teresina. A Operação Evergetas foi realizada na terça-feira (11) e cumpriu 11 mandados de busca e apreensão e seis de condução coercitiva. Uma pessoa foi presa em flagrante por porte ilegal de arma.

O delegado da PF e coordenador da operação Alex Raniery, informou que o dinheiro encontrado no comércio pode ser lícito, mas vai ser investigado, pois estranha a grande quantidade de dinheiro em um comércio e após a eleição. Ainda segundo o delegado, fichas de bebidas, relação de eleitores, e vários outros documentos foram apreendidos.

Segundo a PF, as bebidas eram usadas pelos dois candidatos que concorreram ao cargo de prefeito para atrair pessoas para as suas manifestações de campanha e com isso garantir votos para suas candidaturas. Os mandados foram cumpridos em comércios, residências e nos locais que serviram de comitês de campanhas para as duas agremiações políticas.

A pessoa presa em flagrante por porte ilegal de armas, foi liberada após pagar a fiança de um salário mínimo. A operação recebeu o nome de Evergetas em alusão ao Ervegetismo que era a prática, no mundo clássico, de dar presentes para a comunidade de forma aparentemente desinteressada. Como os candidatos distribuíam bebidas aparentemente de maneira desinteressada, mas visando a obter votos em seu favor, são chamados de Evergetas.
Portaldaclube


PDF pagePrint page

PARTICIPE

0 comentário Comente agora!

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

últimas