PM prende acusados da execução de ladrão em Fronteiras imprimir publicado em: 10 / 09 / 2017

Os acusados da execução de Joseli Joaquim da Silva

Os acusados da execução de Joseli Joaquim da Silva

Policiais militares da Força Tática de Fronteiras, a 405 Km de Teresina, prenderam Adão José Anderson de Sousa e Jucejanio Antônio Martins de Oliveira, residentes no município, após confessaram a morte de Joseli Joaquim da Silva, em um bar às margens da rodovia BR-316 em Alegrete do Piauí.

Adão Anderson afirmou que Joseli Silva furtou 19 botijões de gás de um dos seus depósitos em Fronteiras. Revoltado, contratou Jucejanio Oliveira para ajuda-lo a matar o ladrão.

O crime

Os dois suspeitos chegaram no bar em uma moto Honda Bros. Eles efetuaram vários disparos de arma de fogo contra Joseli Joaquim da Silva, que morreu no local. A dupla fugiu pela rodovia rumo a Francisco Macedo, na região de Marcolândia. Os dois acusados usavam capacetes e por isso não foram reconhecidos.

Policiais militares do Força Tatica de Fronteiras, Alegrete e Francisco Macedo realizaram diligências para prender os causados do homicídio. A dupla abandonou a moto e entrou na caatinga. Hoje, por volta as 05h30 a PM foi informada de que haviam dois homens suspeitos entre Alegrete e Fco Macedo.

A abordagem foi bem sucedida. Ainda com os capacetes nas mãos, Adão e Jucejanio estavam com armas usadas na execução de Joseli: um revólver Taurus calibre 38, com 4 cápsulas deflagradas e 8 munições intactas, e uma pistola calibre 380 Taurus com 16 estojos intactos.

Os criminosos foram autuados em flagrante por homicídio triplamente qualificado na delegacia de Fronteiras.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas