Polícia apreende 50kg de crack que seria comercializado no Carnaval imprimir publicado em: 25 / 01 / 2016

A Polícia Militar do Piauí apreendeu, no domingo (24), cerca de 50 kg de crack em estado bruto; o que, segundo o major Adriano Lucena, poderia se transformar em 100kg quando processados e disponibilizados para à venda, gerando lucro de até R$1 milhão ao tráfico de drogas.  A apreensão ocorreu no povoado Morada Nova dos Crentes, zona rural do município de Bom Princípio do Piauí.

Para o major Lucena, do 2º BPM de Parnaíba,  a droga estaria guardada para ser processada e vendida durante o Carnaval 2016. “Ela estava enterrada próxima a uma carvoaria. Há tempos não tínhamos conhecimento de tanto crack apreendido pela polícia. Isso traz uma tranquilidade para os moradores, mas o trabalho continua”, comentou Lucena.

Uma denuncia anônima alertou a polícia sobre o possível esconderijo da droga, que estava enterrada em um trecho de difícil acesso, entre os estados do Piauí e Ceará, e acondicionados em quatro baldes. A droga apreendida foi encaminhada para a Perícia Criminal e a Central de Flagrantes de Parnaíba.

“Ontem recebemos uma denuncia anônima que de poderia haver uma grande quantidade de drogas enterradas na região. Então, a Força Tática se deslocou até o local, que era de difícil acesso, e obteve êxito na apreensão desse material. Foram mais de 47 kg de crack no estado puro, que poderia chegar até 100kg de crack nas ruas. Prejuízo para eles, benefícios para nós que retiramos essa grande quantidade de drogas das ruas”, disse major Lucena.

Cidadeverde.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas