Polícia prende condenado por estupro que fugiu e cometeu o mesmo crime imprimir publicado em: 14 / 09 / 2017

major cesar

Homem fugiu da Colônia Agrícola Penal Major César Oliveira

A Polícia Civil de Miguel Alves, localizada a 110 km de Teresina, cumpriu mandados de prisão contra um homem que já foi condenado duas vezes pelo crime de estupro. Segundo a polícia, o homem foi preso em março de 2011, fugiu do presídio e voltou a cometer o mesmo crime em dezembro do mesmo ano. O condenado ainda resistiu à prisão, mas foi contido.

Segundo o delegado Antônio Barbosa, o homem já tinha progredido de regime do fechado para o semiaberto, mas fugiu da Penitenciária Colônia Agrícola e voltou a cometer o mesmo crime.

O primeiro estupro aconteceu em março de 2011, quando uma mulher estava com o namorado, ele chegou na companhia de um comparsa e os dois ameaçaram o casal. A dupla estava armada com um gargalo de garrafa e uma faca.

“Na ocasião, mantiveram sob ameaça o namorado da vítima e determinaram que esta mantivesse relação sexual com eles sob pena de morte, mas não conseguiram consumar o ato, em razão de terem notado aproximação de pessoas. Mesmo assim, o condenado saiu afirmando que se a vítima contasse algo a mataria quando saísse da prisão, bem como o filho desta de dois anos”, contou delegado.

No segundo crime a vítima era uma adolescente de 14 anos que também estava com o namorado em um campo de futebol. Na ocasião, o criminoso chegou com uma faca e abordou ambos, o namorado conseguiu fugiu, mas a adolescente acabou sendo alcançada pelo condenado que a obrigou a ingerir uma bebida, deixando-a inconsciente.

“Só após acordar foi que a vítima percebeu que havia sido estuprada por estar com as partes íntimas bastante doloridas. Agora, falta prender uma pessoa que participou do estupro de março”, acrescentou Antônio Barbosa.

Portaldaclube


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas