População carcerária feminina tem aumento 20% no Piauí, aponta Sejus imprimir publicado em: 09 / 09 / 2016

detentasA população carcerária feminina do Piauí cresceu 20% desde o começo de 2015, segundo informações da Secretaria de Justiça do Estado (Sejus). Em janeiro de 2015 era 164 mulheres e até a última terça-feira (6) eram 206 mulheres no sistema prisional do estado. As mulheres passaram a agir em dupla com homens, para não levantar suspeitas. O número de mulheres autuadas nos primeiros meses deste ano foi de 78 somando apenas os meses de janeiro, março e maio.

A presença de mulheres em crimes é cada vez mais comum e o cidadão já começa a perceber. Uma pessoa, que não quis se identificar, informou que estava em um restaurante quando uma mulher entrou e foi até o balcão fazer um pedido. “Foi uma surpresa, porque ela estava do meu lado e quando notei ela já estava me assaltando. O comparsa dela entrou, rendeu algumas pessoas que estavam na entrada e ela rendeu a outra parte que estava próximo a ela”, contou.

Os números da Central de Flagrantes de Teresina também confirmam o aumento de mulheres no crime. Em janeiro foram autuadas 21 mulheres, em março 27 e em maio 30 mulheres, principalmente por furto e roubo. Segundo a delegada Ana Luiza Marques, da Central de Flagrantes, as mulheres não estão sendo obrigadas pelos companheiros a participar das ações. “Não é observado à situação de coação moral na prática do crime, no caso, a mulher decide por questões próprias participar da conduta delitiva”, explicou.

A Polícia Militar informou que casais de, principalmente, motocicleta também passaram a ser alvos de abordagens em operações ostensivas. “O que observamos é que a mulher chega primeiro na abordagem e o companheiro chega em seguida. O que orientamos é que a população fique mais atenta ao casal que chega de moto, pois pode estar se aproximando para efetuar um assalto”, alertou o Tenente Coronel Costa Lima, comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar.

Portaldaclube


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Paixao

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

últimas