Ex-prefeita ‘ostentação’ Lidiane Leite é presa em São Luís imprimir publicado em: 24 / 10 / 2017

Lidiane LeiteA ex-prefeita de Bom Jardim, Lidiane Leite, conhecida como “prefeita ostentação”, foi presa novamente nesta terça-feira (24) na cidade de São Luís, no Maranhão, informou o G1. Ela é acusada de desvio de verbas públicas. Também solicitada a prisão de Beto Rocha, que era secretário de Assunto Políticos, mas ele se encontra foragido. Cada um deles responde por seis processos.

O promotor da Comarca de Bom Jardim, Fábio dos Santos Oliveira, afirmou que o processo contra a ex-prefeita corre em segredo de justiça, mas informou que Lidiane irá cumprir a pena em prisão domiciliar porque ela possui uma criança de seis meses que ainda é amamentada.

“Cada um deles respondem de cinco a seis processos por desvio de verbas públicas só na justiça estadual, fora da justiça federal, no qual eles também respondem por outros desvios. Na soma de todas as ações, incluindo improbidade administrativa, nós imputamos a ele um desvio de aproximadamente 20 milhões de reais. Então por isso, por estarem respondendo por diversos crimes e para evitar o risco deles fugirem da cidade e do país, o Ministério Público pediu a prisão de Lidiane Leite e de Beto Rocha”, explicou o promotor.

Prefeita Ostentação

Em 2012, o fazendeiro Beto Rocha foi candidato a prefeito, mas teve a candidatura impugnada pela Lei da Ficha Limpa e lançou a namorada para a disputa. Lidiane foi eleita com 50,2%.

Lidiane, que atualmente tem 27 anos, exibia pelas redes sociais uma vida de luxo e a sua conduta chamou a atenção do Ministério Público, que passou a apurar fraudes em licitações do município. Ela é acusada de fazer desvios de verbas públicas, tendo sido presa pela primeira vez em 2015, quando ainda era prefeita. Em março deste ano foi condenada por improbidade administrativa e em setembro teve R$ 12 milhões bloqueados por determinação judicial.


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas