Técnico morre em motel na zona Sul; 2ª morte em uma semana imprimir publicado em: 19 / 11 / 2016

vtrO técnico em refrigeração, Gilson Nogueira Silva, 35 anos, morreu, na madrugada deste sábado (18), dentro de um motel localizado no bairro Lourival Parente, zona Sul. A suspeita inicial é que o homem tenha sido vítima de um ataque cardíaco. A morte é a segunda que acontece do mesmo modo em três dias.

A Delegacia de Homicídios esteve no local e descartou a possibilidade de lesão corporal.  “O corpo não tinha marca de violência e aparentemente foi uma morte natural”, informou o delegado Humberto Mácola.

Funcionários do motel relataram que Gilson passou mal quando estava saindo do quarto. Ele chegou a entrar no carro, mas teve o mal súbito e morreu na garagem. “Funcionários chegaram a acionar o Samu, mas quando a ambulância chegou ele já estava morto”, completa o delegado.

A mulher que acompanhava Gilson no quarto se evadiu do local, mas a polícia garante que vai identificá-la.

Familiares do técnico em refrigeração foram ao motel reconhecer o corpo. A esposa de Gilson estava bastante abalada e não quis conceder entrevista. O homem morava no bairro Bela Vista,  também na zona Sul, e tinha três filhos.

O cunhado de Gilson, Francisco Lima, contou que o técnico não tinha problemas cardíacos, mas fumava muito. “Eram três carteiras de cigarro por dia”, disse.

A perícia criminal esteve no local. O Instituto Médico Legal foi acionado para fazer a remoção do corpo.

Segunda morte

A morte de Gilson é a segunda que acontece da mesma maneira em menos de uma semana.

O idoso Vicente Rodrigues da Silva, 95 anos, morreu no final da manhã da última quinta-feira (17) dentro de um motel localizado no Centro de Teresina. Segundo a recepcionista do estabelecimento, Vicente Rodrigues teve um mal súbito após ter relação sexual com uma jovem.

 

motel

Cidadeverde.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Vale Vermelho

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas