Técnico morre em motel na zona Sul; 2ª morte em uma semana imprimir publicado em: 19 / 11 / 2016

vtrO técnico em refrigeração, Gilson Nogueira Silva, 35 anos, morreu, na madrugada deste sábado (18), dentro de um motel localizado no bairro Lourival Parente, zona Sul. A suspeita inicial é que o homem tenha sido vítima de um ataque cardíaco. A morte é a segunda que acontece do mesmo modo em três dias.

A Delegacia de Homicídios esteve no local e descartou a possibilidade de lesão corporal.  “O corpo não tinha marca de violência e aparentemente foi uma morte natural”, informou o delegado Humberto Mácola.

Funcionários do motel relataram que Gilson passou mal quando estava saindo do quarto. Ele chegou a entrar no carro, mas teve o mal súbito e morreu na garagem. “Funcionários chegaram a acionar o Samu, mas quando a ambulância chegou ele já estava morto”, completa o delegado.

A mulher que acompanhava Gilson no quarto se evadiu do local, mas a polícia garante que vai identificá-la.

Familiares do técnico em refrigeração foram ao motel reconhecer o corpo. A esposa de Gilson estava bastante abalada e não quis conceder entrevista. O homem morava no bairro Bela Vista,  também na zona Sul, e tinha três filhos.

O cunhado de Gilson, Francisco Lima, contou que o técnico não tinha problemas cardíacos, mas fumava muito. “Eram três carteiras de cigarro por dia”, disse.

A perícia criminal esteve no local. O Instituto Médico Legal foi acionado para fazer a remoção do corpo.

Segunda morte

A morte de Gilson é a segunda que acontece da mesma maneira em menos de uma semana.

O idoso Vicente Rodrigues da Silva, 95 anos, morreu no final da manhã da última quinta-feira (17) dentro de um motel localizado no Centro de Teresina. Segundo a recepcionista do estabelecimento, Vicente Rodrigues teve um mal súbito após ter relação sexual com uma jovem.

 

motel

Cidadeverde.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas