Corinthians recebe o Inter e tenta retomar confiança da torcida imprimir publicado em: 21 / 11 / 2016

corinthiansO Corinthians ainda é o atual campeão brasileiro, mas cada vez mais padece sob a desconfiança dos torcedores a respeito do seu futebol. Em baixa após ser goleado por 4 a 0 pelo São Paulo e levar o empate do Figueirense nos minutos finais, a equipe tenta retomar a confiança da torcida na decisiva partida contra o Internacional, nesta segunda-feira, às 20h (de Brasília), no estádio de Itaquera, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Além de brigar por uma vaga no G6 e ter pela frente um embate importante na luta pelo torneio continental, o Alvinegro sabe também que os torcedores encaram com muita expectativa a possibilidade de rebaixar o Inter, atualmente o primeiro time da zona de degola.

Dentre as polêmicas pelo título brasileiro de 2005, o rebaixamento alvinegro em 2007 e o famigerado DVD montado pela diretoria colorada em 2009, antes da final da Copa do Brasil entre ambas equipes, a rivalidade entre os times cresceu exponencialmente. Entre os torcedores corintianos, é comum ver pedidos para “devolver” 2007, ano em que o Inter acabou derrotado por 2 a 1 pelo Goiás, na última rodada, ajudando na queda do Timão.

Alheio a isso, o time quer se manter focado apenas no objetivo de chegar à Libertadores, ainda próximo apesar do péssimo desempenho nos últimos jogos. Na avaliação do lateral direito Fagner, é necessário que a equipe consiga uma vitória dentro de casa para retomar a confiança e apresentar um melhor futebol daqui para frente.

“Se for parar para pensar, desde o começo do ano até hoje, a equipe mudou bastante. Muitos atletas novos. Temos que passar por esse momento de reformulação, entender o que aconteceu e a partir daí começar a fazer grandes jogos e resgatar a confiança de cada atleta”, apontou o jogador, que será titular da lateral direita.

“Confiança não vem e vai a hora que quer, você não decide isso, então é importante retomar. Nos últimos jogos a gente deu uma vacilada. Precisamos manter essa regularidade nesses três jogos pra conquistar esse objetivo”, concluiu o atleta, convocado recentemente para a Seleção Brasileira.

Para o embate, os desfalques ficam por conta dos meias Rodriguinho e Giovanni Augusto, e o atacante Lucca, todos suspensos. Willians, que foi afastado pela diretoria após uma dicussão com um torcedor, também não estará à disposição.

Já entre os retornos estão o do lateral esquerdo Uendel, que será improvisado no meio-campo, do zagueiro Vilson, que volta de suspensão, além de Balbuena e Ángel Romero, que estavam a serviço da seleção do Paraguai. Guilherme, que se recuperou de lesão, vai para o banco de reservas.

Do outro lado, o Inter chega abatido após empatar por 1 a 1 com a Ponte Preta dentro da sua casa, na quinta-feira, duelo visto como “oportunidade de ouro” pelo elenco, principalmente após a derrota do Vitória para o Santos, na Vila Belmiro. Com a igualdade, o time perdeu a chance de sair do Z4 e acabou demitindo o técnico Celso Roth.

No seu lugar assumiu Lisca, treinador respeitado no Ceará após evitar o rebaixamento do Vozão à segunda divisão em 2015. Com apenas três dias de trabalho, ele espera motivar os jogadores a sair da atual situação. “Não sou herói, mas, na base da conversa, a gente tenta passar uma mensagem positiva para o elenco”, apontou o novo comandante.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X INTERNACIONAL

Local: Estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)
Data: 21 de novembro de 2016, segunda-feira
Horário: 20h (de Brasília)
Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)
Assistentes: Bruno Boschilia e Ivan Carlos Bohn (ambos do PR)

CORINTHIANS: Walter; Fagner, Vilson, Balbuena e Guilherme Arana; Cristian, Marquinhos Gabriel, Camacho, Uendel e Marlone; Romero
Técnico: Oswaldo de Oliveira

INTERNACIONAL: Danilo Fernandes; William, Paulão, Ernando e Geferson; Rodrigo Dourado e Anselmo; Anderson, Eduardo Sasha e Valdivia; Vitinho
Técnico: Lisca


PDF pagePrint page

PARTICIPE

,

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Biocentro

últimas