Wellington quer indenização de R$ 160 mi pela federalização da Cepisa imprimir publicado em: 01 / 02 / 2017

DiasO governador Wellington Dias (PT) informou que fará acerto de contas para receber recursos pela federalização da Cepisa, hoje Eletrobras do Piauí, empresa cedida para o governo federal desde o ano de 1997.

De acordo com o governador, levantamento feito em 2015, apontava que o Estado teria que receber R$ 160 milhões por transferir o patrimônio da empresa para o governo federal.

“Na época tinha um encontro de contas pra fazer de um saldo de R$ 160 milhões, avaliado em 2015. A ideia é atualizar esse valor para que a gente possa concretizar a finalização. Espero que agora no ano de 2017, como foi acertado com o Ministério de Minas e Energia a gente conclua a federalização”, ressaltou o governador.

Wellington Dias defendeu ainda que a empresa não está preparada para o processo de privatização.

“O que tenho defendido é a necessidade de se fazer os investimentos necessários, regularização de gambiarra, garantir a modernização da empresa, completar o Luz para Todos, fazer um conjunto de obras que estavam traçados e que garantem o fornecimento de energia com qualidade e isso valoriza inclusive a empresa”, ressaltou o governador.

Sem os investimentos, o governador acredita que a Eletrobras ficará desvalorizada e será vendida a preços baixos.

“Se você faz um leilão de uma empresa como a Cepisa sem antes resolver problemas, o custo dela sairá muito baixo. Acho que é um patrimônio importante seguir com esses investimentos. É o primeiro passo antes de tomar uma decisão. Provavelmente, a empresa vai ficar lucrativa com os investimentos e o governo pode resolver permanecer com ela”.

Cidadeverde.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Biocentro

últimas