Fábio Abreu solicita concurso após aposentadoria de 200 policiais imprimir publicado em: 03 / 07 / 2017

fabio abreuO secretário Estadual de Segurança Pública, Fábio Abreu e o delegado geral Riedel Batista vão solicitar ao governador Wellington Dias (PT) a realização de novos concursos na Polícia Civil. A audiência está marcada para esta segunda-feira (3) no Palácio de Karnak.

Os dois gestores vão comunicar ao governador que a Polícia Civil terá um desfalque de mais de 200 policiais que vão se aposentar até 2018. A discussão da reforma da Previdência, ainda em andamento, está provocando uma correria para aposentadoria neste setor. Os policiais não estão incluídos na reforma, mas o temor da categoria é que haja mudanças para eles. 

Segundo Riedel Batista, o concurso –  para delegado, agentes e escrivão – seria realizado ainda este ano. A proposta é que a nomeação ocorra somente em 2019, o que não afetaria a Lei de Responsabilidade Fiscal.

“Levaremos pelo menos um ano para a realização e formação dos novos policiais. O número de vagas para o concurso ainda seria levantado”, disse Riedel Batista.

Reajuste salarial

Outro assunto da audiência será a promoção e reajuste salarial dos policiais civis. A proposta é aumento de 45% parcelado em três anos.

O secretário Fábio Abreu vai solicitar também o envio de três leis a Assembleia Legislativa.

A primeira lei será o que concede gratificação de pelo menos R$ 2 mil para o delegado que acumular funções em delegacias do interior.

“O delegado terá uma gratificação da mesma forma que existe no Ministério Público, judiciário, defensoria pública e procurador do Estado”.

A segunda lei que precisa ser aprovada pelos deputados é a criação dos Departamentos de Homicídios e Proteção à Pessoa, de Narcotráfico e Investigação Criminal.

Outra mensagem de lei é a proposta de retorno dos policiais civis aposentados retornarem à ativa em funções administrativas.

Cidadeverde.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Biocentro

últimas