Segunda, 22 de abril de 2019
86 98179 0860
Polícia

12/02/2019 às 13h51

Redação

Teresina / PI

Casal é preso suspeito de comandar organização para tráfico de drogas
De acordo com a Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes, segunda fase da Operação Carteado desbaratou grupo criminoso que traficava cocaína no bairro Real Copagre.
Casal é preso suspeito de comandar organização para tráfico de drogas
Um caminhão, um táxi e duas motocicletas foram apreendidas durante operação da Depre em Teresina - Piauí — Foto: Divulgação/ Depre

A investigação contra um grupo criminoso suspeito de traficar drogas na região do bairro Real Copagre, Zona Norte de Teresina, culminou na prisão do suposto líder do grupo e de sua esposa nesta terça-feira (12). A operação deflagrada hoje é a segunda fase de uma operação iniciada em novembro de 2018.

O homem identificado como Maurício Alves seria, de acordo com a Polícia Cívil, o líder da organização criminosa. De acordo com o delegado Alfredo Cadena Júnior, coordenador da Delegacia de Repressão a Entorpecentes, a prisão dele e da esposa, Maria Lauane, foram determinadas pela Justiça do Piauí.

A primeira tentativa de prender Maurício Alves ocorreu ainda na primeira fase da operação Carteado. “Infelizmente não encontramos droga na residência do líder dessa quadrilha. Mas os braços deles são esses dois”, disse o delegado Walter Cunha, que à época presidia a investigação. Os policiais realizaram buscas em cinco endereços, e dois homens foram presos com cocaína e produtos roubados.

Segundo o delegado Cadena, a investigação posterior identificou que a esposa, Maria Lauane, teria participado ativamente do tráfico de drogas. Maria Lauane e Maurício dois foram presos em casa. No local, foram apreendidos um caminhão, um táxi e duas motocicletas.

“Ele trabalhava como entregador de água. Os ganhos deles são incompatíveis com a atividade. Ele mora num prédio grande, tem um depósito grande... o caminhão é zero quilômetro”, comentou o delegado Cadena.

De acordo com o delegado Cadena, com as prisões realizadas esta terça-feira (12), todo os líderes do grupo criminoso, suspeito de traficar drogas na Zona Norte de Teresina, foi preso.

Outros dois supostos membros do grupo criminoso que haviam sido presos durante a primeira fase da operação LindonJohnson Pereira da Silva, de 41 anos, e Francisco Humberto dos Santos, de 51 anos, foram presos novamente pelo crime de associação para o tráfico de drogas. Francisco Humberto ainda se encontrava preso por tráfico.


FONTE: G1 Piauí

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium