Sábado, 20 de abril de 2019
86 98179 0860
Polícia

21/03/2019 às 15h17

Redação

Teresina / PI

Ex-ministro de Temer classifica prisão como 'exibicionismo do Judiciário'
Segundo o aliado, que foi apelidado durante o mandato do emedebista como "cão de guarda", trata-se de uma medida "desnecessária".
Ex-ministro de Temer classifica prisão como 'exibicionismo do Judiciário'

O ex-ministro da Secretaria de Governo Carlos Marun chamou nesta quinta-feira (21) de "exibicionismo do Poder Judiciário" a prisão do ex-presidente Michel Temer.

Segundo o aliado, que foi apelidado durante o mandato do emedebista como "cão de guarda", trata-se de uma medida "desnecessária", "ilegal", "açodada", "inconveniente" e "inexplicável".

"Vejo aí, sinceramente, uma prática de exibicionismo do Poder Judiciário, que nada contribui neste momento para o país", disse.

No final do ano passado, nos últimos dias de Temer no cargo, Marun foi nomeado para a função de conselheiro de Itaipu Binacional, função mantida pelo presidente Jair Bolsonaro.

FONTE: Folhapress

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium