Segunda, 22 de abril de 2019
86 98179 0860
Geral

19/01/2019 às 16h42

Redação

Teresina / PI

Operação Parnaíba: Projeto Rondon inicia no Piauí em 15 municípios
Os rondonistas são estudantes e professores universitários que promoverão ações que gerem desenvolvimento local sustentável e promoção da cidadania, em suas áreas de atuação.
Operação Parnaíba: Projeto Rondon inicia no Piauí em 15 municípios

O Projeto Rondon 2019 iniciou nesta sexta-feira (18) no Piauí com a participação de 312 rondonistas. Eles vão atuar em 15 municípios durante a Operação Parnaíba. A abertura oficial das atividades aconteceu na manhã deste sábado  no auditório da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional Piauí (OAB/PI). A solenidade contou com a presença da governadora em exercício, Regina Sousa.

Os rondonistas são estudantes e professores universitários que promoverão ações que gerem desenvolvimento local sustentável e promoção da cidadania, em suas áreas de atuação. O Projeto Rondon é  o  maior  projeto de extensão universitário do Brasil, executado pelo Ministério da Defesa, em parceria com estados e municípios. A operação segue até 3 de fevereiro.

“Com certeza vocês não sairão daqui como chegaram, vocês terão a oportunidade de sair do conforto das faculdades para viver outros ângulos, que não são os seus, mas que com as sua profissões poderão ajudar e contribuir para mudar a realidade da população propondo soluções” comentou Regina Sousa.

O coordenador nacional do Projeto Rodon, o vice almirante Barros Coutinho, destacou a importância dessa experiência como lição de vida e de cidadania. “ Essa é uma operação que nos dá uma satisfação imensa, de ver os rodonistas com toda essa alegria e a expectativa de fazer o seu melhor. Eles vão ver a realidade ao vivo a cores do que é o nosso Brasil. Falamos o mesmo idioma, mas estamos em um país de dimensões continentais e precisamos conhecer o nosso povo. Eles estão dando algo precioso que é o tempo e com certeza cada um sairá dessa experiência transformado e poderão falar do Brasil com mais propriedade, sabendo  como o que aprendem na Faculdade vai efetivamente fazer diferença na vida da sociedade. Sairão daqui como pessoas melhores e concientes do que é ser cidadão”, destacou.

A paranaense e estudante de engenharia florestal, Ana Maria, disse estar muito ansiosa. “É inexplicável, a gente não vê a hora de chegar no município para colocar em prática tudo aquilo que a gente vem se preparando para contribuir com o nosso conhecimento e também aprender com a população”, comentou.

FONTE: Com informações da Ccom

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium