Obras em Teresina e no litoral são prioridade do Ministério do Turismo imprimir publicado em: 15 / 05 / 2017

Em visita às obras do Centro de Convenções, o secretário nacional de Estruturação do Turismo, Henrique Pires, destacou que a urbanização da Pedra do Sal no litoral, a construção de um novo centro de eventos em Teresina e a conclusão da obra do Centro de Convenções, que já dura 10 anos, são ações prioritárias para o Ministério do Turismo no Piauí.

O secretário defende que a junção de técnicos em Brasília, com a Caixa Econômica no Piauí e o governo estadual, vai garantir a inauguração do Centro de Convenções. “Essa obra será concluída com a certeza e a graça de Deus”, afirmou.

O Ministério do Turismo já liberou o recurso para a Caixa, que repassa ao Governo do Estado de acordo com o andamento das obras. Desde que teve início, em 2007, já foram assinados contratos com três construtoras.

O valor inicial era de R$ 12 milhões, mas agora está em R$ 22 milhões. De acordo com representantes da Caixa, houve erros e mudanças na concepção do projeto.

Reformas

O secretário nacional defendeu as reformas do governo Temer e condicionou os investimentos, empréstimos, a geração de emprego e renda, e até a conclusão de obras, à aprovação das medidas. “É inadmissível que nos ponhamos em risco a aposentadoria e a pensão. Se não houver reforma, corre o risco do que acontecer como na Venezuela ou na Grécia”, afirma.

A impopularidade das medidas, na opinião de Henrique Pires, se devem às falhas na comunicação do Governo Federal. “Não temos uma comunicação que impacte da forma como desejamos. Mas tem melhorado muito e o governo vai investir bastante, mostrando os fatos”, disse.

Ele ainda defende o presidente Michel Temer. “A felicidade do Brasil é ter um homem direito, íntegro, realizado, fazendo as reformas que Dilma e Lula defenderam, mas não tiveram a coragem de fazer”, concluiu.

portalodia.com


PDF pagePrint page

PARTICIPE

PUBLICIDADE

    Esporte

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

    Physio II

últimas