Problema na compra do WhatsApp rende multa de R$ 384 milhões ao Facebook imprimir publicado em: 18 / 05 / 2017

compraA Comissão Europeia aplicou uma multa de 122 milhões de euros (mais de R$ 384 milhões) ao Facebook porque a companhia de Mark Zuckerberg passou informações enganosas ao órgão quando pediu aprovação pela compra do WhatsApp, em 2014.

Na época, o Facebook garantiu que não tinha como ligar os usuários do WhatsApp com os seus, mas fez isso dois anos após a compra, mostrando que havia, sim, uma abertura técnica. “A equipe do Facebook estava ciente de tal possibilidade”, declarou o órgão europeu, em nota repercutida pela Reuters.

A punição não oferece risco de que a comissão reverta a aprovação de compra, e também não tem qualquer ligação com investigações relacionadas à proteção dos dados dos usuários.

A multa poderia ter sido bem maior, já que havia amparo legal para que a comissão exigisse 1% do volume de negócios do Facebook — o que daria o equivalente a R$ 865,8 milhões, baseado nos resultados da empresa em 2016. Isso só não aconteceu porque o Facebook cooperou com os procedimentos e reconheceu sua infração.

Olhar Digital


PDF pagePrint page

PARTICIPE

,

PUBLICIDADE

REDE SOCIAl

PUBLICIDADE

últimas